Portal de Notícias do Estado do Paraná

Quinta-feira, 30 de Maio de 2024
Governo Federal
Governo Federal

Cidades

Começam hoje (21), as obras de reforço da estrutura do viaduto do Alto Boqueirão

Começaram as obras de reforço estrutural do viaduto que liga as ruas João Miqueletto e Eduardo Pinto da Rocha sobre a linha férrea

Clécio Silva
Por Clécio Silva
Começam hoje (21), as obras de reforço da estrutura do viaduto do Alto Boqueirão
Divulgação / Prefeitura de Curitiba
Espaço para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

Começaram nesta semana as obras de reforço estrutural do viaduto que liga as ruas João Miqueletto e Eduardo Pinto da Rocha sobre a linha férrea, no Alto Boqueirão.

O trabalho está sendo realizado sob a coordenação da Secretaria Municipal de Obras Públicas (Smop). A obra deverá ser concluída no segundo semestre deste ano e o objetivo é aumentar a vida útil do viaduto para permitir a passagem apenas de veículos leves.

Remoção da capa

Nesta primeira fase as equipes estão removendo a capa da parte superior da laje principal do pavimento com rompedores manuais para que esta dê lugar a uma nova camada.

Leia Também:

“Estas obras são muito esperadas pela população e com a conclusão dos trabalhos será a liberada a passagem para veículos leves. A solução definitiva virá com a implantação de uma nova estrutura, cujo projeto já está sendo elaborado”, disse o secretário de Obras Públicas, Rodrigo Araújo Rodrigues.

O projeto prevê também o reforço dos quatro pilares existentes nos dois blocos de apoio para garantir a estabilidade da estrutura. De acordo com o fiscal da obra, engenheiro Loris Almir Probst Filho, também serão instalados semipórticos nas vias do entorno para viabilizar a futura liberação dos veículos.

Dois lances de barreiras de concreto tipo New Jersey (simples e dupla) serão implantados nas vias de acesso, nos dois sentidos, além de guard-rails (defensa metálica) sobre o viaduto a serem concretados com o reforço da base. A Setran elaborou projeto de sinalização básica do local.

Moradores do Jardim Paranaense, Marco Antônio Moraes e Roberto Silva foram acompanhar o começo das obras de perto.

“Para nós esta ligação é muito importante. A minha filha sai ali da região do Zoológico e precisa dar uma volta de 10 km quando vai trabalhar. É um transtorno muito grande. Com a reforma do viaduto, tudo vai melhorar”, prevê Marco Antônio, que mora na região

Segundo viaduto

Paralelamente às obras de reforço da atual estrutura, um projeto de um novo viaduto já está em desenvolvimento pela equipe do Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba (Ippuc).

Com a construção futura do novo viaduto com capacidade para o trânsito pesado, a estrutura atual em reforma será incorporada ao sistema viário como uma passarela de uso diverso para a comunidade

Estrutura sobrecarregada

O viaduto do Alto Boqueirão tem cerca de 50 anos e foi projetado para suportar um tráfego muito inferior ao que estava recebendo, o que contribuiu para colapsar a estrutura subdimensionada.

A Prefeitura interrompeu o tráfego no viaduto para evitar tragédias, após um levantamento que apontou risco de queda por conta de anomalias causadas pela ação do tempo.

Para evitar o desabamento, no ano passado, foram contratados projetos e executadas obras de escoramento e de reforço da estrutura, com a implantação de vigas metálicas para escorar o viaduto. Duas estruturas com 25 toneladas de aço, entre perfis e cantoneiras, foram montadas sob cada um dos dois blocos de apoio dos pilares que dão sustentação ao viaduto.

As vigas implantadas reforçam os pilares existentes e garantem que a linha férrea que passa por baixo do viaduto, em área de domínio da Concessionária Rumo, continue a funcionar sem o perigo de paralisação do fluxo de cargas.

há 40 anos. 

FONTE/CRÉDITOS: Redação - Prefeitura de Curitiba
Comentários:
Governo do Paraná
Governo do Paraná

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!