Portal de Notícias do Estado do Paraná

MENU
Logo
Segunda, 12 de abril de 2021
Publicidade
Publicidade

Cidades

Queda de avião, em Cascavel, Polícia Federal IML identificam empresários mortos

Empresários Lyncoln Carneiro, proprietário e piloto da aeronave, e Carlos Morales morreram no local

1085
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Polícia Federal (PF) e o Instituto Médico-Legal (IML) identificaram as duas vítimas do acidente com um avião de pequeno porte em Cascavel, no oeste do Paraná, na noite de sábado (20).

Os empresários Lyncoln Carneiro e Carlos Morales, que não tiveram as idades divulgadas, morreram na queda, que foi às margens da PR-486 e próximo a um aeroclube, por volta das 19h. Com o impacto da queda, a cabine do avião foi destruída, em uma área de plantação

Carneiro era proprietário e piloto da aeronave, conforme a polícia. Ela era dono do Colégio Ideal e de um restaurante em Cascavel.

O trajeto que eles estavam fazendo ainda não foi descoberto. Segundo o delegado da PF Marcos Smith, a aeronave experimental não precisava e não tinha plano de voo registrado. O avião, fabricado em 2014, não tem caixa-preta, informou o delegado.

Smith explicou que até a manhã deste domingo (21) não estava confirmado que o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), da Aeronáutica, mandaria uma equipe até o local da queda.

Ainda de acordo com o delegado, independentemente do Cenipa, a PF vai examinar peças da aeronave e investigar o caso para identificar o motivo da queda.

Conforme o IML, os corpos das vítimas serão liberados neste domingo.

Fonte/Créditos: Paraná Urgente com informações G1 Oeste

Créditos (Imagem de capa): Sidney Trindade/RPC

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade