Portal de Notícias do Estado do Paraná

MENU
Logo
Quinta, 29 de julho de 2021
Publicidade
Publicidade

Cidades

Homem é encontrado morto dentro de casa e suspeita é que tenha sido descarga de celular

Márcio Sanches, de 42 anos, morava sozinho em um imóvel no bairro São Dimas, em Colombo.

351
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Uma tragédia aconteceu na manhã deste domingo (20), em Colombo, Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Márcio Sanches, de 42 anos, foi encontrado morto dentro de casa por um vizinho que percebeu uma fumaça saindo do imóvel, no bairro São Dimas, resolveu entrar e encontrou a vítima caída no quarto. A suspeita é que o homem tenha recebido uma descarga elétrica enquanto carregava o celular.

O vizinho que encontrou o homem morto, José Benedito da Silva, relatou que a vítima estava ao lado da cama, com o celular próximo do corpo. As paredes do cômodo estariam todas escuras.

“Eu fui na casa e o chamei, mas ele não respondeu. O portão dele estava aberto, eu entrei, chamei, vi o banheiro e a cozinha. Então, pulei a janela e, quando vi, não sabia o que fazer. Saí correndo. É uma cena que vai demorar para sair da minha memória. Ele era como um irmão”, lamentou.

O caso abalou amigos e familiares. Um outro morador da região, Marcos Correia, disse à Banda B que não conhecia a vítima muito bem, mas sempre o cumprimentava quando o via pela rua. Segundo ele, o caso é triste pelas circunstâncias da morte.

“Eu sempre via ele aí, seus filhos sempre estavam aí. Não teve como pedir socorro, sozinho e com a perna amputada… É uma fatalidade mesmo, ainda mais do lado da gente”, refletiu.

 

Irmão

O irmão gêmeo da vítima, após descobrir a situação, foi até o local na Rua Das Seringueiras. Marcos Sanches comentou à Banda B que viu o familiar pela última vez na semana passada.

“Durante a semana é meio corrido, temos pouco tempo para nos ver porque todos trabalham”, iniciou.

A vítima, segundo Marcos, tinha uma perna amputada por conta de um grave acidente de trânsito há oito anos. A situação obrigou o familiar a interromper a carreira na área da construção civil. Marcos lamentou a morte do irmão.

“Até há uns quatro meses ele administrava um bar, mas parou e veio morar sozinho aqui. Lá dentro o cheiro é muito forte e o caso, possivelmente, aconteceu por conta do celular. Agora, temos que aguardar o pessoal do IML (Instituto Médico Legal) para saber quais serão os próximos passos. Foi uma fatalidade”, concluiu o irmão à Banda B.

 

A Polícia Militar (PM) e o Corpo de Bombeiros foram acionados, mas nada puderam fazer para salvar o homem.

 

Cuidados

O aparelho celular é um item essencial no nosso dia a dia. Portanto, seu uso requer certos cuidados para evitarmos acidentes e, até mesmo, mortes.

Em agosto do ano passado, a Banda B conversou com Wesley Pinheiro, especialista em prevenção de incêndios e consultor de emergências no Rio de Janeiro. Ele deu dicas e ressaltou que atos simples são suficientes para evitar tragédias como a deste episódio em Colombo.

Fonte/Créditos: Banda B

Créditos (Imagem de capa): Antônio Nascimento/Banda B

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade