Portal de Notícias do Estado do Paraná

MENU
Logo
Quinta, 29 de julho de 2021
Publicidade
Publicidade

Policial

Corpo de mulher é desenterrado do túmulo e tem genitália cortada

Não há câmeras de segurança no local que possam ter gravado a ação e auxiliar nas buscas de um suspeito

282
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O corpo de Poliana Pereira, de 27 anos, foi desenterrado e violado em um cemitério do distrito Flor de Minas, em Gurinhatã, Minas Gerais. Ela morreu vítima de pneumonia e foi sepultada no último sábado (10). A Polícia Civil ainda não tem suspeitos.

A violação do túmulo foi descoberta por um homem que estava no cemitériopara prestar homenagem a um parente e percebeu que o corpo de Poliana estava exposto e com as pernas para fora do jazigo. Quando se aproximou, percebeu que, além de o caixão estar aberto, a genitália do corpo estava cortada.

O vilipêndio de cadáver foi registrado pela Polícia Militar, mas o local não tem câmeras e não há testemunhas que possam auxiliar na identificação do possível autor. Segundo o EM, o corpo será novamente periciado em busca de pistas sobre quem poderia ter aberto a sepultura e o mutilado.

Fonte/Créditos: RicMais

Créditos (Imagem de capa): Reprodução/RicMais

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade