Portal de Notícias do Estado do Paraná

MENU
Logo
Domingo, 16 de maio de 2021
Publicidade
Publicidade

Política

STF deve julgar queixa contra Bolsonaro por mortes

Edson Fachin pediu que o processo fosse remetido ao plenário do Supremo.

338
Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF), pediu que o presidente da Corte, Luiz Fux, marque julgamento de uma notícia-crime apresentada contra o presidente Jair Bolsonaro por suspeita de genocídio contra indígenas na pandemia do coronavírus.

O julgamento vai decidir se a Procuradoria-Geral da República (PGR) deve abrir ou não um inquérito para investigar o presidente por sua conduta ao vetar trecho de lei para assistência a indígenas durante a crise sanitária, que previa garantia de fornecimento de água potável e insumos médicos. A queixa ainda cita a gestão de Bolsonaro na pandemia em relação ao restante da população.

O procurador-geral da República, Augusto Aras, já se manifestou contra a abertura do inquérito. No entanto, houve recurso, e o caso começou a ser analisado no plenário virtual. O ministro Edson Fachin pediu que o processo fosse remetido ao plenário do Supremo.

Fonte/Créditos: Yahoo c/ informações de aRede

Créditos (Imagem de capa): Diego Radames/SOPA

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade